Bananeira (Musa sp)

Escrito por

O pé de banana

 

Nome Técnico:Musa sp.
Nomes Populares:Bananeira
Família: Família Musaceae
Origem: Cultivada no mundo todo.


Descrição


Planta herbácea de 2,0 até 8,0 m de altura, com grossas raízes superficiais, caule rizomatoso subterrâneo.
As folhas são pecioladas e justapostas formando um pseudocaule.

As flores podem ser femininas, masculinas e hermafroditas, mas os frutos não têm sementes, são produzidos por partenogênese, isto é, sem polinização.
Alguns cultivares de bananeira: Nanica, Prata, Terra, Maçã, entre outros, apreciados por todo o país.

Modo de Cultivo:

O local de cultivo deverá ter boa luminosidade e temperatura entre 15 e 35 ºC, com umidade relativa do ar em torno de 80%, teores maiores podem propiciar o aparecimento de doenças fúngicas.

O solo deve ser fértil, do tipo areno-argiloso, pH 6 – 6,5, profundo e bem drenado.
Solos encharcados devem ser evitados bem como os muito secos.

Em solos ácidos abaixo de 5,5 será necessária a aplicação de calcáreo conforme o recomendado em prévia análise de solos.

Plantio e Adubação da bananeira :

Conforme o tamanho da muda, fazer uma cova com 30 x 30 cm e prepará-la com adubação orgânica de esterco animal curtido, cerca de 10 litros ou 5 litros do esterco de aves, adicionando também 200 gramas de adubo granulado 20-20-20 ou o mais comum 10-10-10 por cova.
Pode colocar também 200 gramas de farinha de ossos.

Não esquecer de irrigar bem.

A terra deve cobrir quase todo o rizoma, deixando parte dele de fora.
Se houverem folhas deverão ser podadas pela metade para evitar a perda da umidade.

A melhor época de plantio é no início das estações chuvosas, mas para lugares de chuvas regulares ou com irrigação, em qualquer época do ano.

A bananeira não suporta competição, então não podemos deixar crescer mato junto dela nem plantar outras plantas de raízes agressivas.
Os tratos culturais consistem em eliminar as folhas secas, velhas e restos de cachos.

Adubações de cobertura podem ser feitas com adubos granulados ou esterco animal curtido antes do início das estações chuvosas.

Paisagismo e uso decorativo:

 

 

A bananeira tem o ar típico de lugares tropicais e os paisagistas podem utilizá-la para compor belos jardins, misturando com outras da mesma família, como helicônias e strelitzias.

Fotos utilizadas sob licença Creative Commons: dakotaduff