Aquiléia mil-folhas (Achillea millefolium)

Escrito por

Nome Botanico:Achillea millefolium
Syn. Achillea borealis subsp. Arenicola (Pollard) D.D.Keck, Achillea lanulosa Nutt, Achillea lanulosa subsp Alpicola (Rydb) D.D.Keck entre outras.

Nomes Populares:mil-folhas, mil-em-ramas, aquiléia mil-flores, aquiléia mil-folhas, milefólio, atroveran, erva-de-S.João, novalgina.

Família:Angiospermae – Família Asteraceae (Compositae)

Origem:Europa.

Descrição:

achileiaPlanta herbácea perene rizomatosa, com altura em torno de 50 até1, 0 m de altura.

Folhas compostas finamente pinadas e flores bem pequenas reunidas em inflorescência do tipo capítulo, em grandes conjuntos nas pontas dos ramos.

Seu cultivo pode ser feito em regiões de clima ameno.

Modo de Cultivo:

Região ensolarada e de clima ameno são o ideal para a planta.

O solo de cultivo deverá ser bem drenado, mas apesar de adaptar-se a cultivos sobre rochas com ornamental, a umidade do solo para produção deverá ser controlada, senão diminuirá a quantidade de flores.

Locais bem ensolarados e com temperaturas mais altas aumentam o teor de óleo essencial, a concentração de cânfora e diminui a de 1,8-cineol.
A concentração de canfora diminui conforme a planta cresce, aumenta nas flores desenvolvidas e a taxa de 1,8-cineol aumenta nas folhas.
..
A fertirrigação por gotejo em linhas é uma opção de economia de água e melhor controle de adubos e água.

Uso medicinal:

 (Achillea millefolium)Segundo Font Quer (22), a composição quimica da Achillea revela que o óleo essencial tem terpenos como o cienol, borneol, pinemo, cânfora, azuleno, além de tanino, saponina, mucilagem, entre outros.

Usada na medicina caseira como antiinflamatória, diurética, cicatrizante e antidiarréica.

Suas flores podem ser utilizadas como cataplasmas nas artrites e reumatismos.

Lorenzi (27) cita o fato de que em contao com a pele o suca da Achillea pode causar dermatites ao ser exposta ao sol, o mesmo que acontece com suco de limão.

No Brasil o Estado do paraná tem produção comercial desta planta com fins fitoterápicos.

O óleo de Achillea é produto cobiçado no mercado de óleos essencias e atinge preços altos em contações internacionais e empresas que fazem a comercialização de óleos essenciais.

Seu rendimento é baixo, de 1,5 a 2,0% de óleo para 1kg de massa vegetal.

Uso culinario:

Na Espanha preparava-se, ainda segundo Font Quer (22), um vinho com Achillea, tendo por base vinho branco onde flores da planta se colocavam a macerar por 7dias, depois coavam e engarrafavam, servindo em pequenas doses como aperitivo.

Capítulo reproduzido do livro Guia de produção de plantas medicinais, aromáticas e flores comestíveis.

Fotos utilizadas sob licença Creative Commons: anemoneprojectors (getting through the backlog)