Abacaxi (Ananas Comosus)

Escrito por

 

Nome botânico: Ananas comosus L. Merril

Nome popular:
abacaxizeiro, pé de abacaxi, ananas

Angiospermae –
Família Bromeliaceae

Origem:
Brasil

Descrição:

abacaxi planta

Planta herbácea perene de altura até 1,20 com 1 a 1,5 m de diâmetro em forma de roseta.
Suas folhas são duras e coriáceas com espinhos nas margens, dispostas ao redor da base.

A inflorescência surge num pedúnculo e tem a forma cilíndrica, produzindo frutos de casca escamosa e áspera, verde a amarelada.
A polpa é carnosa, levemente ácida perfumada e suculenta quando madura.

Nosso país é o terceiro produtor mundial do fruto segundo dados de 2001 da FAO e os Estados de maior produção são Minas Gerais, Paraíba e Pará.

Clima ideal:

A temperatura ideal é de 21-230C, com umidade relativa do ar de 70% e chuvas distribuídas de 1200 a 1500 mm.

A irrigação controlada por aspersão, micro aspersão ou gotejamento é um fator determinante para o sucesso da produção, principalmente na fase de crescimento vegetal.

Solo:

O solo melhor é o levemente arenoso, com boa drenagem e pH de cultivo entre 4,5 e 5,5.

A planta é ávida por magnésio e análises de solos e recomendações de um profissional são necessárias em todas as etapas de cultivo em lavouras.

Como desenvolver as mudas de abacaxizeiro:

É feita pelo método de estaquia, retirando partes da planta após a colheita dos frutos.
Assim como outras bromélias, após a floração surgem os filhotes que precisam se desenvolver, o que pode levar até 6 meses.

A classificação das mudas são seguintes:

ananas

Partes do pé de abacaxi

1. Muda de coroa:
Que é a ponta acima do fruto com as folhas.
Produzem plantas de bom porte e vigorosas.

Dificilmente são usadas na produção, pois seguem com o fruto na comercialização, mas podem ser aproveitados pelo consumidor em sua horta caseira.
Quando cortar a ponta, deixar pequena porção onde há polpa fibrosa;

2. Filhotes, surgem sob o fruto.
Tem menor vigor que a muda de coroa.
Podem chegar até o consumidor final, possibilitando seu uso na horta caseira;

3. Mudas de rebento:
Que surgem no caule da muda, tem maior vigor.
Usadas na lavoura ou para cultivo em horta doméstica com muda que já produziu fruto.
Conforme a variedade é possível que o ciclo deste tipo de muda seja mais curto.

4. Produção in vitro:
Técnica mais cara, mas viável para a cultura do abacaxi, produz mudas sadias, de grande uniformidade podendo ser programada para épocas de maior consumo ou para indústria.
Ainda muito onerosa para o pequeno produtor.

Etapas de cultivo- passo a passo:

1. Preparo das mudas:
Retirar o filhote ou rebento da muda, evitando mudas de pouco vigor, atacadas por doenças ou pragas;

A muda deve ficar sobre o solo, não tem problema se ficar ao sol, para curar, ou seja, cicatrizar o corte.
Se plantada logo após a retirada, a umidade no corte poderá propiciar apodrecimento da base.

Nova seleção, separando as infectadas por cochonilhas, que deverão receber tratamentos para eliminar os insetos.

plantio de ananas

Mudas de abacaxi

2. Plantio das mudas.
Em lavouras, são usados a mecanização e princípios conservacionistas de solo com curvas de nível para terrenos com declive.
Recomendações de adubação de cobertura devem receber as orientações de um profissional.

Para a horta caseira, abrir uma cova pequena e adicionar 100 g de adubo de curral bem curtido misturado a composto orgânico. Plantar a muda e regar bem.

 

Continua com: Espaçamento ideal, doenças, colheita e melhores variedades de abacaxi