Móbile de Flores de Vitral

Escrito por

A minha paixão por vitral, e vidros por consequência, é totalmente justificável, já que eu passei a minha vida inteira vendo vitrais tomarem forma na empresa do meu pai.

Embora seja uma arte belíssima, no Brasil é muito pouco difundida. E a maioria das pessoas ainda acha que vitral é coisa de igreja. O que não é verdade.

Vitrais ficam lindos em janelas, portas de casas, em enfeites, e podem ser modernos ou clássicos.

O vitral é feito hoje como sempre foi feito: pedaços de vidro unidos por uma liga metálica. Essa liga metálica pode ser uma canaleta em forma de H de chumbo, onde se encaixam vidros dos dois lados.

Ou pode ser uma fita de cobre, colada nos vidros e estanhada, técnica usada aqui para fazermos as flores.

Usar flores de vitral para compor um mobile é, para mim, simplesmente perfeito. Porque na luz é mágico.

Material

  • Molde da pétala de flor;
  • Moeda de R$ 0,50;
  • Vidros coloridos: amarelo para o miolo e mais 6 cores que tenham transparência;
  • Cortador de vidro;
  • Querosene para o cortador;
  • Alicates para o corte de vidro;
  • Alicates de ponta e de corte para montagem;
  • Caneta para retroprojetor;
  • Esmeril para vidro ou uma lixa ou lima;
  • Tesoura;
  • Fita de cobre;
  • Soldador de ponta fina e chata;
  • Pasta para solda;
  • Pincel de ponta chata pequeno para passar a pasta;
  • Estanho;
  • Argolinhas usadas na montagem de bijuterias (pelo menos 7);
  • Correntinha usada na montagem de bijuterias;
  • 2 argolas de acrílico de alça de bolsa de 10 cm de diâmetro;
  • Cola quente e bastão;
  • Corrente mais grossa usada na montagem de bijuterias e um fecho para pendurar o mobile;
  • Fio de nylon;
  • Arame de bijuteria;
  • Penduricalhos a escolha: cristais de acrílicos, bichinhos de metal, fios com espelho e o que mais sua imaginação mandar;
  • Luvas de tecido;
  • Óculos de proteção;
  • Máscara.

Modo de Fazer

Imprima e recorte o molde. Para baixar o molde clique na imagem.

arte_mosa_mobile1Separe os vidros coloridos, a moeda de R$ 0,50, o cortador com querosene, a caneta de retroprojetor e os alicates.

Eu escolhi vidros de cores fortes para que na luz o efeito seja ainda mais bonito.

Para peças pequenas, eu prefiro trabalhar sempre com dois alicates.

E nas fotos eu estava usando uma moeda menor, mas a certa é mesmo uma de R$ 0,50.

arte_mosa_mobile3Vamos começar pelas rodinhas que formam o miolo das flores.

 

Coloque a moeda sobre o vidro amarelo e faça a risco passando a caneta em volta.

Eu prefiro fazer todos de uma vez. São 6.

Antes de cortar as rodinhas propriamente, separe cada uma delas e retire os excessos. Para isso, o cortador tem que estar com querosene e com a tampa meio aberta.

arte_mosa_mobile4Faça os cortes com pressão media, de trás para frente ou de frente para trás, como preferir.

” Só não vá e volte com o cortador no mesmo lugar”

Segure a peça com firmeza.

Posicione os alicates perto da borda dos dois lados do corte, com o corte virado para cima e quebre para baixo.

 

arte_mosa_mobile5Temos que ir cortando por partes até chegar no redondo.

 

arte_mosa_mobile6Vá cortando partes pequenas como vimos acima e quebrando, até chegar ao formato que queremos.

 

Quando terminar de cortar, ainda restarão uns cantinhos.

Quebre esses cantinhos delicadamente com o alicate.

arte_mosa_mobile8Agora vamos cortar as pétalas. São 6 de cada cor, somando assim 36 pétalas.

Esse é o esquema de corte das pétalas, que eu acho mais fácil, mas você pode adaptar para o seu jeito.

Risque todas as seis pétalas e separe-as da placa, se estiver usando uma placa.

Para separar cada uma delas, vamos usar o primeiro passo do esquema de corte.

Vamos cortar a parte de baixo das pétalas, passando o cortador com uma pressão mediana de frente para trás ou de trás para frente, sem jamais ir e voltar no mesmo lugar, por dentro do risco.

 

arte_mosa_mobile10Depois, posicione os alicates perto da borda e do corte, com o corte virado para cima e quebre para baixo.

Faça isso com todas as pétalas.

 

arte_mosa_mobile11No segundo passo, corte um dos lados da pétala.

Corra o cortador por dentro do risco, na parte reta, até uma pequena parte da curva superior, como no esquema.

 

arte_mosa_mobile12Quebre com a ajuda dos alicates.

Agora o outro lado. Não se esqueça de cortar por dentro do risco.
E quebre com a ajuda dos alicates.

 

arte_mosa_mobile14E por último, corte o que sobrou da parte superior arredondada.

Quebre também os pequenos excessos, delicadamente, com a ajuda do alicate.

arte_mosa_mobile15Corte todas as peças. Não desanime. Já está lindo assim, imagine tudo pronto!

Como vamos trabalhar com fita de cobre, não há opção: as peças têm que ser todas muito bem lixadas.

Para isso você pode usar um esmeril próprio para lixar vidro (que é o meu caso) ou pode usar também uma lixa ou uma lima.

 

arte_mosa_mobile18O esmeril tem que estar com água.

A água serve para não deixar que a peça esquente e também para não voar pó de vidro. Ele fica seguro, no fundo do esmeril.

Lixe de maneira constante toda a peça inclinada em relação à lixa, primeiro de um lado.

Depois, inclinada no outro lado.

E finalmente reta, a 90° em relação a lixa.

Faça isso com todas as peças até ficarem bem lixadas. Não se esqueça de deixar as peças do miolo bem redondinhas.

Depois de lixadas lave todas as peças para retirar restos de pó de vidro e seque bem.