Estante de Caixotes Reaproveitados

Escrito por

Neste passo a passo iremos reaproveitar aqueles caixotes de feira, mostrando como podem ser transformados em uma estante.

O reaproveitamento é essencial em tempos atuais.

Vivemos numa época em que muito se consome, gerando assim lixo em excesso. Imagine isso multiplicado por cada pessoa, cada família no mundo…

Não podemos resolver essas questões no mundo, mas podemos começar reaproveitando o que temos por perto, criando maravilhas.

Material

  • Caixotes de feira
  • Tinta látex branco
  • Tinta fosca para artesanato
  • Spray multiuso – verniz
  • Trincha
  • Pregos pequenos e finos
  • Parafusos médios e finos
  • Lixa para madeira nº 100 ou 150
  • Rodinhas giratórias para suspender a estante

Modo de Fazer

estante de caixotesO primeiro passo é, ao conseguir os caixotes de feira, que vem só com algumas ripas bem espaçadas, deixá-los com as madeiras laterais mais juntas.

Para formar estas três caixas foram necessários 5 caixotes de feira.

É nessa hora que se usa os pregos pequenos e finos (aqueles utilizados para pregar as madeiras do forro), pois as ripas são muito frágeis.
Essa é a parte de marcenaria de nosso passo a passo.

estante de caixotesEsse passo consiste em começar a colorir a madeira.

Para isso, passa-se a primeira demão de tinta látex branca em toda a caixa e espera secar por 2 (duas) horas em dias quentes, porém em dias úmidos (chuvosos) será necessário mais tempo para a secagem, podendo chegar a 4 ou 5 horas.

Obs: a tinta látex é muito espessa, assim deve-se diluí-la em um pouquinho de água, isso vai facilitar a pintura e ainda faz com que a tinta renda até o final do trabalho.

Não diluir tudo de uma vez e sim a cada vez que utilizar, para não perder tinta também.

Uma segunda demão de tinta é necessária para que fiquem mais apresentáveis as caixas.

estante de caixotesAgora é hora de lixar e, se possível, utilizar uma máscara, pois há muito o que lixar, sendo que as caixas devem ser bem lixadas por dentro e por fora.

As lixas não resistem muito tempo, tendo em vista que a madeira fica bastante arrepiada, assim é preciso ter paciência para deixar a superfície mais lisa possível

Obs: cuidado para não retirar a tinta de algumas partes com elevação.

estante de caixotesA estante pode ficar com a cor que desejar, desde o branco até cores mais fortes, pode-se também brincar com as cores, criar harmonia e/ou tom sobre tom.

Para esta estante, a opção foi criar tons de rosa e fazer um dégradé na hora da montagem.

estante de caixotesO detalhe é como sempre, opcional e ainda pode ser feito da forma que a criatividade permitir.

Neste processo, como detalhe foi feita uma pintura ilustrativa com flores em um dos lados da estante, e para um charminho, também foi feito flores da mesma forma, na parte de dentro de uma das caixas também.

Cada detalhe acrescido, imprime a marca de quem faz e se no meio do caminho não ficar do gosto, basta, passar uma ou duas demãos de tinta branca ou da cor que utilizou como fundo e começar de novo.

Não precisa ter medo de errar no campo artístico.