Ecobags – Sacola descartável ou biodegradável!

Escrito por

 

Desde que as sacolas plásticas começaram a ser banidas dos supermercados, as ecobags, ou sacolas ecológicas, passaram a ser o centro das atenções.

 

Palavras como biodegradável, reutilizável e descartável passaram a fazer parte de todas as notícias sobre como substituir o uso das sacolinhas de plástico.

Para ajudar você a compreender melhor o que significa cada palavra e a escolher a melhor opção para se levar as compras para casa, fizemos este artigo a seguir.

Sacola descartável ou biodegradável?

A diferença entre estes dois tipos de sacola é bem simples de explicar:

A sacola biodegradável (também chamada de biocompostável) é feita com amido de batata ou de milho, ou seja, utiliza-se um produto proveeniente da natureza para sua fabricação.

A sacola descartável é aquela feita de plástico que os supermercados oferecem para embalar as compras.
Normalmente a jogamos no lixo depois que chegamos em casa, por isso recebe o nome de descartável.

O plástico é um derivado do petróleo e exige uma quantidade de energia abundante para sua produção, prejudicando ainda mais o meio ambiente.
Estima-se que, para produzir uma tonelada de plástico são necessários 1.140 kw/hora, ou seja, o equivalente a 7.600 residências iluminadas durante 1 hora com lâmpadas econômicas.

A decomposição das sacolas biodegradáveis na natureza leva em torno de 24 meses, enquanto que a sacola de plástico leva, no mínimo, 100 anos, além de contribuir muito para o entupimento de bueiros e redes de esgoto das cidades, agravando as enchentes.

Assim, as sacolas descartáveis estão tendo sua produção interrompida aos poucos no Brasil, para que o meio ambiente não seja mais impactado.

 Sacola retornável ou ecobag – a melhor opção

As sacolas não descartáveis ou retornáveis são as favoritas da vez, já que podemos usar a mesma sacola durante anos para carregar as compras – o tempo de duração é de 5 anos, em média.

Desde aquelas antigas sacolas de feira até as mais modernas, cheias de estilo, todas são válidas para poupar o meio ambiente e, por isso, estão sendo chamadas de “Ecobags”, por serem ecologicamente corretas.

Hoje em dia existem sacolas ecológicas dos mais variados tipos e tamanhos: os materiais mais comuns de encontrar são algodão, lona, juta, TNT (tecido não tecido, ou seja, é um tipo de tecido classificado “não tecido”, pois é feito a partir de fibras que são fixadas e não passam pelos processos tradicionais de confecção de tecidos, como fiação e tecelagem.
Ele não precisa passar pela fase de “tecer”, como os outros, pois é através do calor que suas fibras são unidas), garrafas PET recicladas, ráfia (as fibras da palmeira) e até palha de seda.

Todos esses materiais são ecologicamente corretos, ou seja, ao comprar uma sacola de qualquer um desses materiais você não estará contribuindo com a degradação do meio ambiente, pelo contrário, estará ajudando o planeta.
Você pode inclusive optar por fazer você mesmo suas sacolas retornáveis, como esta aqui reaproveitando papelão.

Uma ótima opção também para você levar suas compras para casa são as caixas de papelão, que alguns supermercados disponibilizam para os clientes. Elas são ótimas para carregar compras mais pesadas e ainda podem ser reutilizadas posteriormente.

 Quais são recicláveis?

Reciclável é tudo aquilo que pode ser transformado em novo uso, por meio de uma transformação química ou física.

Assim, as sacolas de plástico, assim como muitos objetos de plástico, podem e devem ser separadas no lixo de casa ou mesmo em locais públicos para que sejam recicladas.

Fotos utilizadas sob licença Creative Commons: diongillard